A função principal de um elemento de fixação é a ligação segura de um eixo a um cubo por meio de fricção. Por exemplo, entre um eixo e um cubo da engrenagem. O elemento de fixação cria uma conexão avanço livre através da expansão entre o eixo e o cubo. Esse tipo de conexão é usado principalmente para a transmissão de torque.

Ele é instalado através da inserção do dispositivo de bloqueio entre os componentes e o subsequente aperto dos parafusos. Usando superfícies cônicas, que aumenta o diâmetro exterior e o diâmetro interior diminui. Forma-se  a pressão Radial. As forças de aperto são fornecidas e controladas por meio dos parafusos (afixados por torquímetro). Isso permite que a compensação direta da folga entre eixo e a capa.

No nível mais amplo, a linha de produtos de elementos de fixação podem ser divididos em duas categorias, Anéis de Fixação (interna) e Buchas de Fixação (externos).

ANEL DE FIXAÇÃO

Faz a fixação pelo efeito de cunha expansivo, ao comprimir as peças a cunha “sobe” e faz o travamento. Os anéis de fixação são utilizados para bloqueios internos. Conheça os anéis de fixação Tec Tor.

DISCO DE CONTRAÇÃO

(FLANGE DE FIXAÇÃO OU ANEL DE CONTRA): Faz a fixação de cunha compressivo, ao comprimir as peças a cunha “desce” e faz o travamento. O disco de contração pode ser utilizado para substituir o anel de fixação quando o espaço é insuficiente.

Buchas de fixação

Dispositivo mecânico de fixação axial, de simples, exata e fácil montagem. Usada para fixar rolamento de furo cônico em eixo liso (tolerância máxima h10), sem encosto.  É composta por 3 partes: a bucha, uma porca e uma arruela de trava ou grampo MS. São fornecidas sempre com esse conjunto completo.  São utilizadas para fixação externa. Conheça as buchas de fixação Tec Tor.

Veja as vantagens da aplicação do disco de contração
1. Distribuição uniforme de torque
exemplo de montagem disco de contração

exemplo de montagem disco de contração

Ao contrário de um rasgo de chaveta, que concentra todo o esforço ao longo de uma única linha de contato, os Elementos de Fixação distribuem o esforço da transmissão de torque uniformemente ao longo de 360 graus de contato com o eixo. Essa distribuição de tensão uniforme elimina os desgastes e custos com manutenção associados as quebras da chaveta e seus desgastes.

2. Fácil montagem

A montagem no eixo é simples, bastando executar o aperto dos parafusos na sequência correta.

Não são necessárias ferramentas especiais ou usinagem para criação chavetas ou manutenção no rasgo do eixo.

3. Livre de manutenção e livre de contaminação

Ao contrário das chavetas, os Elementos de Fixação estão completamente livres de desgaste, pois funcionam sem peças móveis no eixo ou no cubo, reduzindo os gastos com componentes e manutenção. Além disso, como parte do processo de aperto, as superfícies da aplicação são colocadas sob pressão alta o suficiente para manter os contaminantes fora, mais uma vez, reduzindo a necessidade de manutenção.

4. Proteção para o eixo

exemplo de eixo rompido

Caso haja um torque acima do máximo suportado pelo Disco de contração, ele vai “escorregar” no eixo, diferente das chavetas que se rompem e danificam todo o alojamento do eixo.

5. Aplicações de alto torque

Os Discos de Contração podem suportar torques de até 8.300,00 Nm

POR QUE USAR?

Tradicionalmente os métodos de conexão para componentes rotativos ou elementos de acionamento, como engrenagens, rodas dentadas, braços de alavanca, etc, foram afixados ao eixos de rotação usando uma chaveta, talvez com um parafuso de ajuste para corrigir o posicionamento axial durante a operação. Essas conexões, enquanto que relativamente simples e confiáveis durante a transmissão, revela-se insuficiente quando há vibração, choque ou cargas reversivas. Conexões com chavetas sujeitas a tais ambientes operacionais extremos vão movimentar para fora ao longo do tempo gerando a “folga” entre eixo e capa. Além disso, a fricção entre superfícies do eixo e capa durante esse deslizamento leva a corrosão por atrito, e ao longo do tempo pode causar soldagem a frio de componentes causando enfraquecimento ou falhas do eixo.  Já as conexões estriadas, ainda que em menor grau, sofrem as mesmas limitações das conexões com chaveta, como o custo de fabricação é mais alto gera uma desvantagem adicional.

disco de contração Tec Tor

disco de contração aplicado

disco de contração aplicado

Aplicação

Os elementos de fixação TEC TOR, são adequados para fixação de todas as formas de cubos e eixos, podendo ser aplicadas em equipamentos nas quais existam chavetas, pontas cônicas, eixos talhados, pinos ou pressão. Adequados para fixação de engrenagens, polias, volantes, rodas excêntricas, alavancas, embreagens, hélices e muitos outros.

Produtos personalizados

A Tec Tor oferece uma vasta opção de elementos de fixação padrão para atender a maioria das necessidades de montagem. No entanto, percebemos que para ser inovador em um mercado global, os engenheiros de hoje muitas vezes exigem soluções personalizadas. A partir do comum para o especial, nossa equipe de engenharia está pronta para trabalhar com você. Juntos, vamos desenvolver um elemento de fixação exclusivo para atender às suas necessidades e desafios cada vez mais exigentes.
Podemos oferecer como itens especiais:

  • Materiais: Materiais especiais em aço inoxidável, bronze ou ações de baixa liga,
  • Revestimentos: revestimentos especiais como zinco, cromo ou outros tratamentos químicos;
  • Lubrificantes: sintéticos ou especiais
  • Parafusos: quantidades menores ou tamanhos específicos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu